www.centrallestenoticias.com.br
www.saomiguelpaulista.com.br
www.itaimpaulista.com.br

Moradores do Itaim Paulista falam sobre problemas sociais na Câmara no seu Bairro

Publicada em: 01-06-2015

Arthur dos Reis e Daniele Amorim
Especial para a CLN

 

 

Os moradores do Itaim Paulista tiveram a oportunidade de conversar com seus vereadores na 11º reunião do Câmara no seu Bairro, realizado no CEU Parque Veredas no último sábado (23).

 

A audiência começou às nove e meia da manhã e contou com cerca de 200 munícipes e 16 vereadores, além disso, estiveram presentes a senadora Marta Suplicy e o secretário de relações governamentais, Alexandre Padilha.

 

                                                                                                                                                   Daniele Amorim/CLN

23/05/2015 - Câmara no Seu Bairro - Itaim Paulista

 

Após a fala de apresentação da mesa, foi aberta sessão para ouvir a população da região. No começo, foram abertas as inscrições daqueles interessados em falar na tribuna e sorteadas trinta pessoas para expor suas opiniões durante três minutos. Sessenta moradores de inscreveram.

 

O primeiro a falar na tribuna foi Renato "Buchudo" Vitorato, presidente da associação de moradores do Jardim das Oliveiras: "Existem dois terrenos no bairro do Jardim das Oliveiras que viraram ponto viciados de lixo, fiz alguns levantamentos e descobri que a prefeitura gasta mais limpando os locais, do que em uma construção para algo útil para os moradores".  Logo em seguida, ele contestou sobre a falta de médicos no bairro: "Os médicos são formados para cuidar do povo, e porque eles não querem atender os moradores do Jardim das Oliveiras?"

 

O comerciante Edson Coqueiro falou sobre a construção do corredor de ônibus que será feito na Estrada Dom João Neri e do impacto viário na região: "Duas mil pessoas serão despedidas quando os comércios no local forem desapropriados para a construção no terminal. A melhor opção é mudar o projeto para o córrego Lageado, onde existem pessoas que moram em terrenos irregulares".

 

O ponto alto do evento foi o depoimento do deficiente físico Leandro Faustino, que por conta da falta de acesso para cadeirantes na frente do palco, teve que ser levado por guardas da GCM até a tribuna: "Se falou muito sobre a mobilidade nesta reunião, mas temos que falar também sobre acessibilidade. Até para chegar aqui eu tive que ser carregado. Olhe um pouquinho para nós vereadores, nós precisamos de vocês".

 

A maioria dos vereadores foram retirando-se da plenária no meio da apresentação dos moradores, e outros até distraiam-se ao celular ou conversando entre si. Ao final da reunião, houve uma discussão entre o presidente da câmara, Antonio Donato e o metroviário Francisco Silva, pois o senhor gritava da plateia que poucas pessoas foram escolhidas para discursar.

 

 

Diferença entre audiências

Na última sexta (22), o Câmara no seu Bairro compareceu ao distrito de Pinheiros, zona oeste da cidade para ouvir as demandas dos moradores e a senadora Marta Suplicy comentou sobre: "Apesar de demandas diferentes, a raiva do cidadão é a mesma".

 

Do outro lado da cidade, as maiores demandas da zona nobre da cidade foram em relação ao trânsito das Avenidas Faria Lima e Rebouças, os ruídos causados pela vida noturna da região e a especulação imobiliária que cada vez mais quer que o bairro cresça verticalmente. 

 

 

 

 

 


 

Outras Matérias

Comente essa notícia

Nome:
E-mail:
Comentário:
 

 

Draw My Life: Itaim Paulista
405 anos de história

São Paulo (SP)

Copyright © 1998-2016 CLN-Central Leste Notícias. Todos os direitos reservados.

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da CLN